Triorganizada | Organização também é coisa de criança!
organização, criança, bagunça, brinquedos, como organizar, personal organizer, dica de organização, guardar, brincar
16326
post-template-default,single,single-post,postid-16326,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-9.5,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12,vc_responsive

Organização também é coisa de criança!

Criança tem que brincar e se divertir, mas a ordem também é fundamental para a educação! Naturalmente, de uma forma lúdica e divertida, a criança pode aprender a organizar. E simples tarefas irão estimular a organização, a responsabilidade, a disciplina, o cuidado com os próprios pertences e, ainda, facilitar o dia a dia.

Mas, como ensinar? O que fazer?

Confira 7 dicas simples para ensinar a criança a organizar.

  1. INCENTIVE

A partir de 2 anos, a criança pode ajudar em algumas tarefas, como guardar os brinquedos após o uso e colocar a roupa suja no local adequado.

Vá ajustando as tarefas de acordo com a idade e mantenha sempre a criança envolvida na tarefa de organizar.

Uma lista com a responsabilidade diária da criança ajuda a estabelecer de forma clara as tarefas (de casa e da escola) e lembrar de cada uma no dia a dia. Não há como a criança dizer que se esqueceu!

  1. ESTABELEÇA O LUGAR DE CADA COISA

Assim como qualquer outra atividade, a criança precisa aprender como organizar. E para saber onde guardar, é preciso criar o espaço para cada coisa. Com isso, a criança irá saber o lugar onde deve colocar e pegar as coisas e não irá procurar em nenhum outro lugar. Envolva a criança pedindo para ela criar um organizador: uma caixa de sapatos pintada pela criança pode organizar os brinquedos. A satisfação de fazer algo sozinha e que seja útil só aumenta a autoestima.

  1. FACILITE

Guardar os brinquedos não é uma tarefa fácil, pois são muito variados e a criança ainda não aprendeu a separar por tipo. Então, facilite: instale cestos na sala, quarto e espaços onde os brinquedos se espalham para que a criança possa aprender a recolher e guardar após a brincadeira.

Para ajudar a criança a separar os brinquedos, utilize diferentes caixas para cada tipo – boneca, carrinhos, bolas, etc. – e coloque etiquetas com o nome dos brinquedos (para as crianças alfabetizadas) ou figura ou desenho dos objetos (para aqueles que ainda não sabem ler). Não use caixas grandes para evitar que os brinquedos fiquem soterrados e se quebrem com facilidade. Brinquedos preferidos devem ficar ao alcance.

As crianças podem também dobrar as próprias roupas e colocar no devido lugar. Com a ajuda de um molde (baixe o modelo aqui na página), essa tarefa fica bem mais fácil e até divertida!

  1. NÃO MISTURE AS COISAS

Coloque as roupas separadas dos brinquedos e do material escolar. Ainda que fiquem em um mesmo armário, delimite bem o espaço dos brinquedos, das roupas e sapatos e dos brinquedos. Além de facilitar a vida da criança na hora de procurar alguma coisa, ela terá a real noção do que possui. Livros podem ficar num móvel ou nicho próximo à cama para estimular a leitura e facilitar a organização.

  1. FAÇA UM PLANEJAMENTO

Quando não nos planejamos, tudo o que precisa ser feito acaba ficando para última hora ou até mesmo não é feito. Faça um planejamento familiar, semanal ou mensal, estabelecendo todos os compromissos da família e da criança e o que precisa ser feito com antecedência, como trabalhos da escola ou a compra de objetos especiais para eventos e atividades e o lanche da escola.

Crie uma rotina com a criança antes da hora de dormir, como arrumar a mochila, escolher a roupa do dia seguinte e separar o material ou trabalho para algum evento na escola. Assim, você garante uma manhã seguinte mais organizada, sem correria, e ainda evita lembrar de alguma coisa só na porta da escola!

  1. ESTABELEÇA UM LIMITE

Para a organização, é importante respeitar o espaço que tem e não entupir os armários e gavetas com brinquedos e roupas. Para manter a ordem e evitar o excesso, use a regra básica da organização: se um entrar, outro deve sair!

Aproveite as datas comemorativas, como Natal, aniversário e dia das crianças, em que as crianças ganham presentes, para se desfazer dos brinquedos antigos. Se possível, no lugar do brinquedo, torne o dia especial com um passeio, uma atividade especial em família ou com os amigos (como um dia no zoológico, no boliche ou piquenique e futebol no parque). Estimule a criança a doar o que não usa ou não serve – ainda em condições de uso –, exercitando o desapego, ajudando quem precisa e abrindo espaço para o novo.

  1. DÊ O EXEMPLO

A organização deve começar pelos pais ou responsáveis pela criança, que devem manter as próprias coisas em ordem. Caso não esteja conseguindo se organizar, não se desespere! Uma mudança de hábito na rotina e atividades do dia a dia, começando com as dicas acima, pode ajudar. O importante é manter a disciplina. E, acredite, a organização irá facilitar a sua vida!

triorganizada
fabiana@triorganizada.com.br

Fabiana Machado.
Consultora em organização.